‘Limpa Rio’ começa pelo Rio Príncipe, na Posse

Início da dragagem de trecho do Rio Príncipe, na Posse, em Teresópolis
Início da dragagem de trecho do Rio Príncipe, na Posse, em Teresópolis

‘Limpa Rio’ começa pelo Rio Príncipe, na Posse

 Prefeito Vinicius Claussen recebe o secretário estadual de Ambiente, Altineu Côrtes, pede a demolição de imóveis da época da tragédia e espaço para projeto de recursos a fim de solucionar o aterro sanitário

Teresópolis, 23 de janeiro de 2020 – Começou nesta terça-feira, 21, a limpeza e desassoreamento do Rio Príncipe, na Posse. É o programa ‘Limpa Rio’, do Governo do Estado, anunciado pelo Governador Wilson Witzel em outubro do ano passado.

 Nesta quarta-feira, dia 22, o Prefeito Vinicius Claussen recebeu o secretário de Estado de Ambiente e Sustentabilidade, Altineu Côrtes, agradeceu o início do ‘Limpa Rio’ e entregou ofícios com importantes demandas ambientais de Teresópolis. Uma delas é a retomada das demolições de 1.946 imóveis, nas áreas urbana e rural, demarcados desde a tragédia de 2011. Outro pedido foi espaço para que o Município apresente projeto e receba recursos, a fim de executar medidas de remediação e solução para o aterro sanitário, no Fischer.

“Por determinação do Governador Witzel, vamos atender Teresópolis em todas as demandas encaminhadas ao Governo do Estado. O Prefeito Vinicius Claussen vai contar com minha ajuda pessoal para destravar assuntos importantes nas questões de demolições e do aterro sanitário”, garantiu o secretário estadual Altineu Côrtes.

Para o Prefeito Vinicius Claussen, o trabalho conjunto do município com o Governo do Estado tem rendido bons resultados para Teresópolis. “O Governador Wilson Witzel está sempre disposto a colaborar com a execução dos projetos da nossa gestão e agradecemos, em nome da população. Temos várias iniciativas em benefício do município e essa parceria está cada vez mais fortalecida”, pontuou o Prefeito.

Secretário de Meio Ambiente Flavio Castro e o subscretário de Defesa Civil, Albert Andrade, na Posse
Secretário de Meio Ambiente Flavio Castro e o subscretário de Defesa Civil, Albert Andrade, na Posse

O encontro foi acompanhado pelo secretário municipal de Meio Ambiente e de Defesa Civil, Flavio Castro, pelo subsecretário de Defesa Civil, Albert Andrade, e pelo assessor Leonardo Maia, da Secretaria de Estado. Programa 'Limpa Rio' em ação, na Posse

Limpeza de rios

Com investimento de R$ 4,4 milhões, recursos do Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano – FECAM, a determinação é que a dragagem dos rios, na cidade e no interior, seja realizada pelo período de um ano em Teresópolis. O objetivo é aumentar a vazão da água em período de chuva forte e evitar transbordamentos.

 “Enquanto o Estado atende os rios Príncipe – na Posse, Triunfo e Caetés – no Caleme e Parque do Imbuí, e os afluentes no 2º e 3º Distritos, a Prefeitura colabora limpando córregos e cursos d’água nos bairros Quinta Lebrão e Albuquerque. No centro da cidade, o Paquequer teve a calha limpa no ano passado e o serviço será retomado no período de seca”, explicou Flavio Castro, secretário municipal de Meio Ambiente.Prefeito Vinicius Claussen com o secretário estadual Altineu Côrtes e equipe

Aterro sanitário

Outro pedido apresentado foi o de abertura de espaço para que a Prefeitura possa apresentar projeto ao FECAM, a fim de que o município receba recursos do Fundo Estadual para algumas medidas de remediação e solução para o aterro sanitário, no Fischer, cuja vida útil expirou em 2016 e que vem funcionando por força de liminar desde 6 de março de 2018.

 Um dos projetos é de custeio do transbordo do lixo produzido por Teresópolis para aterros sanitários licenciados de municípios vizinhos. Outro é o de solicitação de recursos para aquisição de outra área visando a instalação de novo aterro sanitário, com tratamento moderno e transformação dos resíduos sólidos em biocombustível, fonte de renda e geração de empregos para o município.Dragagem de trecho do Rio Príncipe, o primeiro a ser atendido pelo 'Limpa Rio'

Coleta seletiva

A Prefeitura, através da Secretaria de Meio ambiente, pretende implantar, em fevereiro, o programa ‘Recicla Terê’, de coleta seletiva, com a instalação de 19 ecopontos pela cidade e o uso de um caminhão baú para recolhimento desse material. “Estamos adquirindo um galpão, em Três Córregos, para a operacionalização do programa, em parceria com a associação de catadores. Também está em processo de aquisição um equipamento para triturar material de construção civil. São medidas para aumentar a sobrevida do aterro, enquanto trabalhamos para concretizar soluções definitivas”, relatou o Prefeito Vinicius Claussen.

Fonte: Assessoria de Comunicação de TeresópolisInício da dragagem de trecho do Rio Príncipe, na Posse